Município de Santana da Ponte Pensa rejeita ensino a distância na saúde

 

São Paulo, 3 de outubro de 2018.

A 27ª cidade a repudiar, por meio de moção na Câmara dos Vereadores, a graduação a distância na área de saúde foi Santana da Ponte Pensa, localizada próxima à região de São José do Rio Preto.

O propositor da moção, o vereador e presidente da Câmara Municipal de Santana da Ponte Pensa, Silas Rego dos Santos, destacou “me reuni com os vereadores e percebemos que essa modalidade de ensino seria muito maléfica para a saúde da população. Não é possível que um farmacêutico ou um médico não tenha a experiência necessária, é um perigo para a saúde pública. Ele precisa saber como manipular uma fórmula, entre outras coisas”.

 

Clique para acessar a moção nº 10/2017

 

Thais Noronha

Departamento de Comunicação CRF-SP

 

CLIQUE AQUI PARA CONSULTAR OUTRAS NOTÍCIAS