EM DEFESA DA SOCIEDADE E DA PROFISSÃO

Nota pública

 

CNS e 38 entidades manifestam-se contra graduação a distância

 

Nota pública manifesta apoio contra graduação em EaDNota pública manifesta apoio contra graduação em EaDSão Paulo, 5 de dezembro de 2017.

Em nota pública, o Conselho Nacional de Saúde e outras 38 entidades manifestaram-se contrários aos cursos de graduação em EaD na área de saúde. A reunião aconteceu em novembro e marcou o encontro de conselhos profissionais, entre eles o Conselho Federal de Farmácia, associações, confederações, sindicatos, executivas de estudantes e muitas outras. 

O posicionamento vai ao encontro das ações promovidas pelo CRF-SP, por meio da Comissão Assessora de Educação Farmacêutica, contra esse tipo de modalidade, que envolvem envio de ofício ao ministério da Educação, participação em audiências públicas, moções, campanhas nas redes sociais e muito mais. Para o presidente do CRF-SP, Dr. Pedro Eduardo Menegasso, o profissional de saúde tem de ser formado na prática com pacientes. “No caso do farmacêutico, que é o profissional do medicamento, ele precisa praticar sua profissão antes de exercê-la durante sua formação em laboratórios, precisa compreender como funcionam os medicamentos, precisa prepará-los e analisá-los, executar exames, enfim, qualquer profissional da saúde, para se formar, precisa de prática e essa proposta do Ministério da Saúde é extremamente perigosa para a saúde da população."

Segundo a nota do CNS, a formação na área da saúde não se limita a oferecer conteúdos teóricos. Para além dos conhecimentos requeridos para a atuação profissional, ela exige o desenvolvimento de habilidades e atitudes que não podem ser obtidas por meio da modalidade EaD, sem o contato direto com o ser humano, visto tratar-se de componentes da formação que se adquirem nas práticas inter-relacionais. A aprendizagem significativa, que se realiza nos encontros e no compartilhamento de experiências, pressupõe convivência, diálogo e acesso a práticas colaborativas, essencialmente presenciais.

Além da nota, as entidades acordaram também outras providências como proposta de Resolução, a ser aprovada no Pleno/CNS, contendo princípios que devem fundamentar as Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) dos cursos de graduação da área da saúde, sob a ótica da participação/controle social; agendamento de audiência na Câmara dos Deputados  para entrega da Moção 020, que apoia Projetos de Lei e Projeto de Decreto Legislativo que tramitam e são contrários ao disposto no Decreto 9.057/2017, que regulamenta a EaD no Brasil.

 

Confira a Nota Pública na íntegra

 

Thais Noronha

Departamento de Comunicação CRF-SP (Com informações Ascom CNS)

CLIQUE AQUI PARA CONSULTAR OUTRAS NOTÍCIAS  

Farmacêuticos contra a dengue

EAD - Academia Virtual de Farmácia

PRESCRIÇÃO FARMACÊUTICA
Informações Cursos