PUBLICAÇÃO DO CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DO ESTADO DE SÃO PAULO
Nº 132 - OUT - NOV - DEZ/2017

 

XVII Encontro Paulista de Farmacêuticos

 

Consultório farmacêutico, ensino a distância e piso salarial foram temas de debate

 

Diretoria ouviu as demandas de farmacêuticos em todas as seccionais

Com os novos rumos apresentados pela profissão, como a ampliação dos serviços, a possibilidade de montagem de consultórios farmacêuticos e a regulamentação da Farmácia Estética, os profissionais, mais do que nunca, precisam estar em constante atualização. 

Com esse objetivo, o CRF-SP promoveu o XVII Encontro Paulista de Farmacêuticos e a diretoria percorreu todas as seccionais do Estado entre agosto e outubro deste ano para estimular o debate dessas questões. Além dos assuntos já citados também estiveram em pauta: a regulamentação dos técnicos em farmácia, o piso salarial, as prerrogativas profissionais e a graduação em Farmácia no formato a distância. 

Histórico

Em 2017 o CRF-SP promoveu o XVII Encontro Paulista de Farmacêutico, que ocorre anualmente desde 2000. Porém, a partir de 2014, o evento foi desmembrado em duas etapas, com um grande evento em comemoração ao Dia Nacional do Farmacêutico, em janeiro, e o ciclo de debates, que circula por todas as seccionais no segundo semestre de cada ano. 

Durante este período, já estiveram em pauta diversos assuntos, como a Farmácia Clínica como nova perspectiva de sucesso para o farmacêutico, o farmacêutico como promotor da saúde para alcançar o sucesso e superar as dificuldades e as mudanças e perspectivas para a profissão a partir da publicação da Lei 13.021/14.

Os encontros, além de levar informação, promover o debate e aproximação entre diretoria e farmacêuticos de todas as regiões, possibilitam a apresentação de sugestões e das necessidades locais. 

Por Monica Neri 

 

Mais de mil farmacêuticos e acadêmicos de Farmácia discutiram sobre graduação a distância, regulamentação dos técnicos de Farmácia, piso salarial e outros assuntos relacionados à profissão 

Dr. Pedro Eduardo Menegasso, presidente; Dr. Marcos Machado, diretor-tesoureiro; Dra. Raquel Rizzi, vicepresidente; Dr. Antonio Geraldo dos Santos, secretário-geral e Dra. Luciana Canetto, conselheira do CRF-SP, participaram dos debates com os farmacêuticos das mais variadas regiões no Estado de São Paulo

 

 
 

     

     

    farmacêutico especialist
    Há 45 anos evoluindo com a profissão
     
    Apontado como um dos maiores eventos da área de Farmácia da América Latina, o Congresso Farmacêutico de São Paulo (outrora denominado Congresso Paulista de Farmacêuticos) foi realizado pela primeira vez em novembro de 1972. Nascia o primeiro encontro técnico-científico voltado especialmente aos farmacêuticos, realizado no Palácio dos Bandeirantes, na capital. 
    Ainda com uma programação tímida, o Congresso já evidenciava o ímpeto da categoria farmacêutica em mudar a realidade e, assim, fazer com que a profissão se fortalecesse e ganhasse importância para debater e contribuir na construção de regulamentações para a área. 
    De lá para cá, o evento foi evoluindo com a profissão, sempre pautado com acontecimentos importantes para a Farmácia, agregando discussões acerca de assuntos como:
    • Práticas alternativas e complementares; 
    • Decreto presidencial nº 85.878/81, que definiu as atribuições privativas dos farmacêuticos e representou uma das maiores vitórias da profissão;
    • A criação do Sistema Único de Saúde com a promulgação da Constituição de 1988; 
    • O substitutivo apresentado pelo deputado federal Ivan Valente ao PL 4.385/94 (que propunha nova redação ao artigo 15 da Lei 5.991/73 e a consequente desobrigação da responsabilidade técnica exclusiva pelos farmacêuticos em farmácias e drogarias);
    • A criação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa); a RDC 44/09 (que regulamenta a prestação de serviços farmacêuticos);
    • E a recente aprovação da Lei 13.021/14.