VI Seminário de Acupuntura

 

Demonstração da técnica de cranioacupuntura durante workshop de terapias da MTCSão Paulo, 24 de outubro de 2016.

O VI Seminário de Acupuntura do CRF-SP foi um dos eventos que integraram a terceira edição do III Espaço Âmbito Farmacêutico. Os destaques do evento foram dois workshops de casos clínicos, um sobre auriculoterapia, estética e fitoterapia, e o outro sobre cranioacupuntura, laserterapia e ventosaterapia, que, juntamente como a acupuntura, são terapias que reúnem conhecimentos técnicos, teóricos e empíricos da antiga Medicina Tradicional Chinesa (MTC).

Antes dos workshops, o dr. Edson Penachin apresentou uma introdução dos conceitos e técnicas da acupuntura. Na sequência, o dr. José Ricardo Domingues apresentou sua experiência na acupuntura estética e como a técnica pode melhorar no tônus muscular, ativar a circulação sanguínea, linfática e energética da pele, abrandar marcas e rugas de expressão, favorecer o rejuvenescimento e o aumento da viçosidade da pele, diminuir o tecido adiposo localizado e reduzir de forma considerável a celulite, além de auxiliar e tratar a obesidade. O especialista apresentou ainda um avanço tecnológico sofisticado que é o uso da laser acupuntura, um procedimento que é o mesmo da acupuntura tradicional, em que o estímulo da agulha é trocado pelo laser de baixa potência.

  

Dr. Marcos Machado (diretor-tesoureiro do CRF-SP) e dr. Marcelo Buzzanelli, da Comissão Assessora de Acupuntura e Medicina Tradicional Chinesa do CRF-SP

Com uma discussão sobre como os problemas de ordem emocional afetam a sociedade moderna e como são os casos mais frequentes no dia a dia do consultório, o dr. Carlos Alberto Kalil Neves apresentou a técnica da ventosaterapia, que promove a melhora na circulação hídrica nas células, distribuição dos fluidos corporais, em que se processa o metabolismo, melhorando a elasticidade dos tecidos e vasos sanguíneos. “A maior parte dos problemas de dor na clínica hoje é proveniente de problemas psicossomáticos e tem por trás problemas como ansiedade, depressão, estresse, cansaço, que provocam rigidez muscular e podem, com o passar do tempo, provocar problemas de ordem articular”, exemplificou.

Dra. Viviane Morgero e dr. José Trezza Netto, ambos da Comissão Assessora de Acupuntura e Medicina Tradicional Chinesa do CRF-SP

Outras técnicas apresentadas e exemplos de casos clínicos bem-sucedidos foram: auriculoterapia francesa, pelo dr.José Trezza Netto; tratamento na medicina tradicional chinesa com fitoterapia tradicional chinesa, pela dra. Viviane Bergamo Morgero; e craniopuntura, pelo dr. Marcelo Fernando Buzzanelli.

Dr. Edson Penachin, dr. José Ricardo Domingues e dr. Carlos Kalil Neves, todos da Comissão Assessora de Acupuntura e Medicina Tradicional Chinesa do CRF-SP

Carlos Nascimento
Assessoria de Comunicação CRF-SP