Reforço para 2017

 

Campanha Farmacêuticos contra Dengue, Zika e Chikungunya pode ganhar parceria do governo do Estado de SP

 

Dr. Pedro Menegasso e dr. Victor Hugo Travassos da Rosa durante reunião com as equipes do CRF-SP e da Secretaria de Saúde do Estado de São PauloDr. Pedro Menegasso e dr. Victor Hugo Travassos da Rosa durante reunião com as equipes do CRF-SP e da Secretaria de Saúde do Estado de São PauloDr. Pedro Menegasso e dr. Victor Hugo Travassos da Rosa durante reunião com as equipes do CRF-SP e da Secretaria de Saúde do Estado de São PauloSão Paulo, 5 de dezembro de 2016.

O presidente do CRF-SP, dr. Pedro Eduardo Menegasso, reuniu-se na segunda-feira, 5, com uma equipe da Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo para propor uma possível parceria com o Estado para a campanha “Farmacêuticos contra a Dengue, Zika e Chikungunya”. A reunião contou com a presença do farmacêutico dr. Victor Hugo Costa Travassos da Rosa, que acaba de assumir a recém-criada Coordenadoria de Assistência Farmacêutica da Secretaria de Saúde.

O objetivo da parceria é fortalecer ainda mais a ação que será realizada pelo CRF-SP pelo terceiro ano consecutivo de forma a ampliar o contingente de profissionais capacitados para atuarem no trabalho de orientação da população e na identificação dos sintomas e encaminhamento aos serviços de saúde dos casos suspeitos de dengue, zika e chikungunya.

A iniciativa se dá mediante a expectativa de que as epidemias de dengue, zika e chikungunya possam vir a ser ainda maiores em 2017 do que a última temporada, conforme anunciado por especialistas durante evento da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), na semana passada.

À equipe da Secretaria de Saúde dr. Pedro Menegasso detalhou a campanha e os materiais disponibilizados para capacitação dos profissionais, e lembrou que no decorrer deste ano foram muitos os gestores públicos que firmaram parcerias com o CRF-SP para realização da campanha em seus municípios. “A farmácia representa uma força importante devido a sua grande capilaridade. Alguns municípios possuem somente dez postos de saúde, mas contam com mais de 40 farmácias. Entendemos que quem presta serviços em saúde tem o compromisso de servir a população frente às epidemias”.

Embora ainda deva ser consolidada por meio da assinatura de termo de cooperação, prevista para ocorrer no início de 2017. dr. Victor Hugo sinalizou positivamente sobre a parceria com o CRF-SP. “Acreditamos que o farmacêutico no balcão da farmácia pode ajudar de forma efetiva no controle dessas doenças, pois quando orientadas por um profissional de saúde, a mensagem tende a ter outra função pedagógica para a população”, afirmou.

 

Dr. Victor Hugo Costa Travassos da Rosa (à esq.) analisa com sua equipe o material da campanha "Farmacêuticos contra a dengue, zika e chikungunya"Dr. Victor Hugo Costa Travassos da Rosa (à esq.) analisa com sua equipe o material da campanha "Farmacêuticos contra a dengue, zika e chikungunya"Dr. Victor Hugo Costa Travassos da Rosa (à esq.) analisa com sua equipe o material da campanha "Farmacêuticos contra a dengue, zika e chikungunya"

 

O coordenador de Assistência Farmacêutica colocou o órgão à disposição do Conselho. “A Secretaria dispõe de um amplo banco de dados que pode auxiliá-los no sentido de fornecer um panorama dos municípios mapeados inclusive com informações sobre assistência farmacêutica”.

 

Renata Gonçalez

Assessoria de Comunicação CRF-SP

 

CLIQUE AQUI PARA CONSULTAR OUTRAS NOTÍCIAS