Farmacêutico Especialista

 

Ciclo de palestras aborda papel do farmacêutico nos cuidados paliativos

 

Dra. Vanessa de Andrade Conceição, vice-coordenadora da Comissão Assessora de Farmácia Clínica do CRF-SPDra. Vanessa de Andrade Conceição, vice-coordenadora da Comissão Assessora de Farmácia Clínica do CRF-SPSão Paulo, 17 de novembro de 2016.

A última etapa de 2016 do Ciclo de Palestras – Farmacêutico Especialista foi realizada na noite da última quarta-feira, 16, na Sede do CRF-SP, com o tema “Cuidados Paliativos” ministrado pela dra. Vanessa de Andrade Conceição, vice-coordenadora da Comissão Assessora de Farmácia Clínica do CRF-SP.

A palestrante abriu os trabalhos com a definição da Organização Mundial de Saúde (OMS) sobre cuidados paliativos, segundo a qual "consistem na assistência promovida por uma equipe multidisciplinar, que objetiva a melhoria da qualidade de vida do paciente e seus familiares, diante de uma doença que ameace a vida, por meio da prevenção e alívio do sofrimento, da identificação precoce, avaliação impecável e tratamento de dor e demais sintomas físicos, sociais, psicológicos e espirituais".

Dra. Vanessa também falou sobre o conceito de sofrimento, um sentimento vivenciado de forma individualizada e que deve ser tratado de uma forma que não consta nos livros. “No âmbito da saúde, o sofrimento muitas vezes é causado pela falta de estratégias de enfrentamento. Cabe a cada profissional da equipe multidisciplinar exercer seu papel para fornecer qualidade de vida a pacientes com indicação para cuidados paliativos”.

No caso dos farmacêuticos, esse trabalho se dá na análise aprofundada das prescrições e das interações medicamentosas, posologia e reações adversas, já que o paciente muitas vezes pode apresentar sintomas de desconforto como fadiga, constipação intestinal, falta de apetite e náuseas, entre outros.

Habitualmente associado a pacientes oncológicos, enquadram-se também no perfil de pessoas com indicação de cuidados paliativos: pacientes demenciados, neurológicos, portadores de insuficiência cardíaca, insuficiência renal crônica, polidiagnosticados e os que se encontram na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

O ciclo de palestras é uma iniciativa da Comissão Assessora de Farmácia Clínica do CRF-SP. A programação do evento deverá ser retomada em 2017.

 

Renata Gonçalez

Assessoria de Comunicação CRF-SP

 

CLIQUE AQUI PARA CONSULTAR OUTRAS NOTÍCIAS