Notícias

    Importância do laboratório clínico no monitoramento terapêutico

    Tema será abordado em curso no pré-congresso


    Tema será abordado em curso no pré-congresso

     

    A Importância do Laboratório Clínico no Monitoramento TerapêuticoSão Paulo, 10 de julho de 2017.

    Dentre os cursos disponíveis na programação científica do XIX Congresso Farmacêutico de São Paulo, o tema “A importância do laboratório clínico no monitoramento terapêutico”, que acontecerá no pré-congresso, em 5 de outubro, é uma das capacitações voltadas para o profissional interessado em ampliar as possibilidades de atuação do farmacêutico, especialmente voltadas para a atenção a doenças metabólicas como diabetes.

    De acordo com a International Diabetes Federation (IDF), mais de 415 milhões de pessoas em todo o mundo eram portadoras de diabetes até 2015. Um em cada dois indivíduos não tem diagnóstico, ou seja, mais de 200 milhões de pessoas não foram diagnosticadas. No Brasil, estima-se que 14,3 milhões de pessoas têm a doença, ou seja, cerca de 7% da população, fato que confere a quarta colocação no ranking mundial.

    Um dos ministrantes do curso oferecido pelo CRF-SP durante o pré-congresso é o Dr. Nairo Massakazu Sumita, professor-assistente e doutor da disciplina de Patologia Clínica da Faculdade de Medicina da USP, diretor do Serviço de Bioquímica Clínica da Divisão de Laboratório Central do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP e assessor médico em Bioquímica Clínica do Fleury Medicina e Saúde.

    Dr. Nairo explica que a apresentação abordará inicialmente a classificação do diabetes e os critérios diagnósticos clínico e laboratorial. “Na sequência, serão abordados os exames utilizados para o controle e acompanhamento do paciente, em particular, o papel da hemoglobina glicada. Também serão apresentados os principais métodos disponíveis para dosagem da hemoglobina glicada, as vantagens e desvantagens de cada método e as interferências, particularmente em relação à presença das variantes de hemoglobina”.

    A capacitação também contará com a participação de outros ministrantes que abordarão diversas doenças que demandam monitoramento terapêutico. Confira a programação completa:
     

    9h às 10h30 - Doenças Metabólicas: Dislipidemia - Dra. Ana Lo Prete

    10h30 às 12h - Doenças Metabólicas: Diabetes - Dr. Nairo Massakazu Sumita

    13h às 15h - Doenças Oncológicas: Leucemia - Dr. Raimundo Antonio Oliveira

    15h às 17h - Doenças Endócrinas: Hipotiroidismo - Dr. Alvaro Largura 

     

    Atualização e aprimoramento profissional

    Os temas dos cursos pré-congresso foram desenvolvidos objetivando a atualização e aprimoramento dos profissionais das diversas áreas de atuação e, desta forma, contribuindo para que sua carreira tenha destaque no mercado de trabalho. Para participar, o interessado deve estar previamente inscrito no congresso. É possível ter desconto nas inscrições feitas com antecedência e fazer o pagamento no cartão de crédito em três vezes (para inscrições realizadas até 31 de julho). 

    Clique aqui e veja a programação dos cursos pré-congresso.

    Confira também as condições especiais para inscrições feitas em grupos
    Não perca tempo! Inscreva-se já!

     

    Renata Gonçalez

    Assessoria de Comunicação CRF-SP